LOIRA DO XISTO: Desembargador diz em nota que foi “inadvertida brincadeira” conversa vazada em sessão

loira xisto desembargador inadvertida brincadeira conversa
Via @justicapotigua | Desembargadores do Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR) foram gravados em meio a uma conversa íntima, na qual supostamente referem-se a mulheres. O diálogo pessoal ocorreu durante a sessão da 1ª Câmara Criminal na quinta-feira (25/11).

O desembargador Paulo Edison de Macedo Pacheco se manifestou por meio de nota. “Devo esclarecer ter se tratado de inadvertida ‘brincadeira’, em caráter privado, feita com o colega aposentado Desembargador Antônio Loyola Vieira”, escreveu. “Tomando o fato a dimensão alcançada, desejo expressar minhas mais sinceras desculpas para com todos os jurisdicionados e também para com toda a magistratura nacional, especialmente as magistradas. E, finalmente, para com o Desembargador Adalberto Jorge Xisto Pereira, que teve seu nome mencionado, mas que, naquele momento, nem sequer participava da desafortunada conversa”, completou.

Fonte: justicapotiguar.com.br

O que você achou desse conteúdo? Participe com sua Reaction abaixo:

0/Comentários

Agradecemos pelo seu comentário!

Anterior Próxima