Grupo de hackers Anonymous declara guerra à Rússia; site de TV sai do ar

hackers anonymous guerra russia site ar
Via @uoloficial | O grupo de hackers Anonymous declarou guerra cibernética à Rússia e derrubou sites do governo de Vladimir Putin, em sinal de protesto contra a invasão das forças russas ao território ucraniano. Primeiro, o grupo atacou o site do canal estatal "Russian Today" e, depois, derrubou páginas do Kremlin e do Ministério da Defesa russo.

"O coletivo 'Anonymous' derrubou o site da estação de propaganda #RTNews", comemorou o coletivo, no Twitter.

O Anonymous usou um ataque cibernético sofisticado conhecido como 'negação de serviço distribuído' (do tipo DDoS). Trata-se de ataque malicioso que tem como objetivo sobrecarregar um servidor ou um computador, esgotar seus recursos e fazê-lo ficar indisponível para acesso de qualquer usuário a internet. 

O Anonymous é um coletivo descentralizado e sem líder que se formou no ano de 2003. Qualquer pessoa pode se declarar um Anonymous sem ter que expor o próprio nome.

Eles ficaram conhecidos por usarem a máscara de Guy Fawkes, soldado britânico que inspirou o protagonista de "V de Vingança", história em quadrinhos criada por Alan Moore e que deu origem ao filme homônimo. Durante os protestos de junho de 2013 no Brasil, as máscaras eram um acessório recorrente entre os manifestantes. 

O grupo se guia pelo hacktivismo, a ação hacker como forma de ativismo político e social. Mas nem sempre foi assim. No livro "Nós Somos Anonymous: Por dentro do mundo dos hackers", a autora Parmy Olson explica que as origens do grupo remontam ao fórum online 4chan, e que as ações eram como uma versão digital dos trotes telefônicos.

Fonte: www.uol.com.br

0/Comentários

Agradecemos pelo seu comentário!

Anterior Próxima