Advogada é presa em SC por suspeita de ser mensageira dos chefes de facções

advogada presa sc mensageira chefes faccoes
Uma advogada cearense foi presa em Santa Catarina, no Sul do Brasil, pela suspeita de ser uma mensageira dos chefes de uma facção criminosa que atua em sua terra natal.

Mensageira dos chefes

Conforme afirmado pela polícia, a suspeita ia até o local onde os líderes criminosos estavam presos, colhia as informações e as repassava aos integrantes da facção que estavam soltos. O delegado responsável pelo caso, Wilson Camelo, da Delegacia de Combate às Ações Criminosas Organizadas (Draco), afirmou que outra mulher também foi presa, suspeitando-se que esta atuava como “conselheira” da mesma facção. Disse Camelo:

"As investigações começaram pelos policiais da Draco, foi uma investigação longa, mas em especial pelo núcleo de inteligência da Draco. Nós identificamos que após a prisão da Almerinda Marlon, uma conselheira de guerra de uma facção criminosa. A partir da prisão dessa mulher, chegamos no nome da advogada, e identificamos que ela estava servindo como mensageira para os criminosos, para as lideranças dessa facção criminosa.

A autoridade policial ainda afirma que era a advogada quem escolhia os locais de atuação dos traficantes:

"Com o avançar das investigações pelo nosso núcleo de inteligência, identificamos que ela fazia esse papel de ir para dentro dos presídios conversar com as lideranças das facções e trazer orientações e recados para aqueles criminosos que estão em liberdade. Inclusive, relacionados a quem iria assumir determinados pontos de tráfico de drogas.

A advogada também foi indiciada pelo crime de receptação, já que foram apreendidos veículos em um imóvel da defensora com sinais de adulteração. Apesar de a indiciada estar presa preventivamente em Santa Catarina, o delegado já solicitou à Justiça sua transferência para um dos presídios do Ceará.

*Esta notícia não reflete, necessariamente, o posicionamento do Canal Ciências Criminais
____________________________________

Quer estar por dentro de todos os conteúdos do Canal Ciências Criminais?

Siga-nos no Facebook, no Instagram e no Twitter.

Disponibilizamos conteúdos diários para atualizar estudantes, juristas e atores judiciários.

Pedro Ganem
Redator do Canal Ciências Criminais
Fonte: Canal Ciências Criminais

O que você achou desse conteúdo? Participe com sua Reaction abaixo:

0/Comentários

Agradecemos pelo seu comentário!

Anterior Próxima