Capitão dos Bombeiros condenado por atropelar e matar ciclista vai ser expulso da corporação

capitao bombeiros atropelar matar ciclista expulso corporacao
Via @bandtv | O capitão do Corpo de Bombeiros do Rio condenado por atropelar e matar um ciclista no Recreio, na Zona Oeste do Rio, vai ser expulso da corporação.

João Maurício Correia Passos
foi condenado pela Justiça no fim de junho. A pena imposta ao capitão é de 7 anos e 9 meses de prisão pelo crime que ocorreu em janeiro do ano passado. A decisão de pedir a exclusão foi do comandante-geral dos Bombeiros, coronel Leandro Monteiro.

Antes do atropelamento, o militar foi filmado com uma garrafa de bebida alcoólica na mão e aparentando comportamento alterado em uma loja de conveniência perto do local do crime.

A corporação disse que o militar foi submetido a um Conselho de Justificação interno e, por unanimidade, foi considerado culpado. O Corpo de Bombeiros também disse que a conduta é incompatível com a condição de oficial.

A decisão do Conselho de Justificação segue para o Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro.

O acidente matou Cláudio Leite da Silva, de 57 anos, quando o capitão perdeu o controle da direção e atingiu o taxista aposentado que tinha o hábito de pedalar diariamente. O motorista fugiu, mas foi preso logo depois.

*Estagiária sob supervisão de Isabele Rangel

Mariana Albuquerque
Fonte: www.band.uol.com.br

O que você achou desse conteúdo? Participe com sua Reaction abaixo:

0/Comentários

Agradecemos pelo seu comentário!

Anterior Próxima