Enquanto viaja pelo mundo, advogado utiliza Inteligência Artificial e automação para lucrar com o Extrajudicial

VIRAM ESSA? 🤩 Em meio ao dinâmico cenário jurídico da América Latina, existe um nome que, provavelmente, já apareceu no seu perfil nas redes sociais ou se destacou em suas conversas sobre inovação no Direito: Marcílio Guedes Drummond.

Ele não é apenas um advogado qualquer; é reconhecido por sua habilidade única de tecer o futuro da advocacia com as linhas inovadoras da tecnologia e da automação — o Advogado de Startups (@advogadodestartups)!

Não é de hoje que Drummond se tornou sinônimo de inovação, utilizando inteligência artificial (IA) e automação para oferecer serviços jurídicos não apenas de forma inovadora, mas também extremamente eficaz.

Esta reportagem traz detalhes de como Drummond, nos últimos anos, não apenas tem conseguido prever o futuro da advocacia, mas também desempenhar um incrível papel em sua moldagem.

Rejeitando o formalismo em favor da inovação

Em uma profissão muitas vezes marcada por tradições e formalismos, Drummond escolheu um caminho diferente. Inspirado pelas possibilidades que a tecnologia oferece, ele fundou a Advogado de Startups Academy, estabelecendo rapidamente a instituição como um marco da inovação jurídica em todo o continente latino. Seu sucesso profissional é notável.

Começou na advocacia em 2013, em uma cidade do interior de Minas Gerais, e afirma que se incomodou muito com a forma tradicional de se conduzir um Escritório e, naquele tempo, mergulhou fundo no Digital.
“Comecei a expandir o meu trabalho por meio de uma estratégia ampla de produção de vários conteúdos, ao mesmo tempo em que aprendia os processos de trabalho típicos do digital – ou seja, os feitos pelas startups. Naquele tempo eu já usava anúncios patrocinados no Facebook e Google – sim, em 2013!”.
Em 2014 o advogado montou um escritório de Advocacia Híbrido (físico + digital). A sede física, já existente no interior de Minas, acrescentou dois escritórios virtuais: um em Belo Horizonte/MG e outro em São Paulo (capital).

Marcílio conta que “alcançava os clientes por meio de conteúdos (textos, vídeos e postagens) e a dinâmica era a seguinte: sempre que necessário eu ia fisicamente a essas duas cidades, embutindo meus custos nos honorários que eu cobrava”.

No fim de 2018, aos 28 anos de idade, o advogado tornou-se sócio nacional responsável por Direito das Startups em um dos maiores escritórios de advocacia do país. E afirma:
“Fui convidado em função de todo o conteúdo de valor gerado, que chamou atenção. Talvez vivi o que a maioria dos advogados sonham a vida inteira em alcançar: uma rotina de luxo, voando para todos os lados de helicópteros e aviões, frequentando os restaurantes e hotéis mais luxuosos (como Emiliano, Fasano, dentre outros), trabalhando com as maiores empresas multinacionais do mundo.”
No mesmo ano, fundou a Advogado de Startups Academy - Educação, Mentoria e Consultoria Digital para Advogados.

Em 2020, por incrível que pareça, Marcílio decidiu buscar outros desafios na Advocacia:
“eu decidi sair daquilo que era o sonho de muitos advogados, uma vida parecida com o seriado “Suits”. Não era o meu sonho. Decidi criar um novo desafio. Eu tinha percebido que queria um outro tipo de advocacia, 100% online, focado em startups menores e mais dinâmicas.”
Drummond afirma que queria criar algo totalmente novo e multidisciplinar, por isso criou o Marcílio Drummond - Advocacia Empresarial da Nova Economia, atualmente com atuação em mais de 10 países.

Em 2022, Drummond se tornou Diretor de Operações Jurídicas de uma grande Startup Jurídica – a Easyjur (@easyjur) –, onde esteve em contato com mais de 100 milhões de processos judiciais gerenciados pelos clientes desta empresa de tecnologia.

Drummond tem ainda 2 livros indicados pelo STJ como bibliografia indicada em Inteligência Artificial e Processo Judicial, é julgador de Inovação do CNJ e Mentor do Sebrae Nacional em Governança Empresarial.

Todas essas transformações e experiências são testemunhos do mantra deste advogado “adaptar-se ou ficar para trás”.

Desmistificando a Automação e a IA no Direito

Ao olhar para o trabalho de Marcílio Drummond fica muito claro como ele abraça a tecnologia para otimizar a prestação e geração de lucros pelos seus serviços jurídicos.

Ele utiliza funis de vendas automáticas e estratégias avançadas de marketing digital para manter um fluxo constante de negócios, permitindo-lhe lucrar significativamente mesmo enquanto viaja pelo mundo.

Essa abordagem, além de gerar liberdade e alto faturamento, aumenta a eficiência e democratiza o acesso a serviços jurídicos de qualidade.

O que Marcílio diz aos Advogados Tradicionais, a partir de sua perspectiva de Advogado Inovador

Ao longo dos últimos anos, como uma das principais lideranças da inovação jurídica do nosso continente, Drummond enfrentou várias objeções e desconfianças dos advogados tradicionais. Perguntamos a ele cada uma delas e veja o que ele respondeu:

Despersonalização do Serviço Jurídico?

“Contrariamente à crença popular, a inteligência artificial permite uma personalização ainda maior, melhorando significativamente a experiência do cliente. Com a tecnologia, podemos entender e atender às necessidades específicas de nossos clientes com uma precisão sem precedentes.”

Qualidade Versus Quantidade

“Longe de comprometer a qualidade, a automação e a IA, quando bem aplicadas, na verdade melhoram nossos padrões de serviço. Isso é alcançado por meio de processos de trabalho internos rigorosos, modelos de documentos aprimorados, e um sistema dedicado de treinamento da equipe.”

Ética e Confidencialidade

“Implementamos sistemas de segurança de dados de última geração e políticas estritas de proteção de dados. A tecnologia reforça nossa capacidade de proteger as informações sensíveis dos clientes.”

Perda de Trabalhos?

“O objetivo da automação não é substituir os advogados, mas permitir que eles se concentrem em tarefas que requerem pensamento crítico e criatividade. É uma evolução no modo de trabalhar.”

Barreiras à Inovação

“Hoje, as ferramentas de IA e automação estão muito acessíveis, permitindo que pequenos escritórios e advogados individuais melhorem a eficiência e a qualidade dos serviços.”

Respeitando a Experiência Tradicional

“Minha experiência me ensinou que, enquanto muitas tarefas podem ser automatizadas, o valor da experiência jurídica tradicional é insubstituível. A tecnologia serve para complementar nosso conhecimento e habilidades.”

Preocupações Regulatórias

“Estamos atentos às dinâmicas regulatórias e trabalhamos para garantir que nossas práticas promovam discussões sobre como as leis podem evoluir para abraçar as possibilidades oferecidas pela tecnologia.”

Legado e Futuro

Drummond já impactou a vida de mais de 99 mil profissionais jurídicos através de sua orientação, mentorias e consultorias, estabelecendo-se como uma referência em inovação jurídica na América Latina.

Sua abordagem não apenas redefine a prática jurídica, mas também assegura que os serviços sejam mais personalizados, éticos e de alta qualidade.

Em uma era de mudanças constantes , Marcílio Guedes Drummond permanece na vanguarda, demonstrando que inovação e tradição podem não apenas coexistir, mas também se complementar de forma produtiva.

Sua visão pioneira e sua capacidade de implementar tecnologias avançadas no campo jurídico pavimentaram o caminho para uma nova geração de advogados.

Estes profissionais, seguindo seus passos, estão prontos para abraçar o poder da tecnologia para transformar a prática jurídica, tornando-a mais acessível, eficiente e adaptável às necessidades dos clientes na era digital.

Moldando o Futuro do Direito

O legado de Drummond como um inovador no direito serve como um farol para os profissionais jurídicos em toda a América Latina e além.

Seu trabalho demonstra que, ao integrar inteligência artificial e automação na prática jurídica, os advogados podem não só aumentar a qualidade e a eficiência dos seus serviços, mas também enfrentar com confiança os desafios de um mundo em constante mudança.

Conclusão: Uma visão para o futuro

Marcílio Guedes Drummond representa o que há de mais inovador no campo jurídico hoje.

Seu sucesso ao utilizar inteligência artificial e automação não apenas redefine o que significa ser um advogado na era digital, mas também inspira uma nova geração de profissionais jurídicos a explorar o potencial ilimitado da tecnologia.

Ao enfrentar e superar as objeções tradicionais com argumentos sólidos, resultados comprovados e um compromisso inabalável com a ética e a excelência, Drummond pavimentou um caminho brilhante para o futuro da advocacia.

Sua história é um lembrete poderoso de que, com a abordagem certa, a tecnologia pode ser uma força transformadora para o bem, capacitando advogados e clientes em todo o mundo.

Generosamente, Marcílio Drummond disponibilizou o telefone de um de seus especialistas, para conversar com advogados que precisam atualizar suas práticas jurídicas, usando mais Inteligência Artificial, vendas automáticas, padronização de serviços e delegação de tarefas. Clique aqui para iniciar uma conversa.

Instagram: @advogadodestartups

0/Comentários

Agradecemos pelo seu comentário!

Anterior Próxima